sábado, 27 de março de 2010

Na bronca

O alemão Michael Schumacher, da Mercedes, saiu reclamando da classificação para o GP da Austrália de Lewis Hamilton e Fernando Alonso. Segundo o alemão, os dois pilotos teriam lhe atraparalhado durante suas voltas rápidas.

No Parque Fechado, como se pode observar na imagem, o heptacampeão mundial foi ao cockpit de Alonso conversar a respeito da situação. Depois, cobrou uma atitude de Charles Whiting e criticou as equipes, que não estariam posicionando seus pilotos de forma adequada na pista.

"Tive uma conversa com Whiting sobre isso porque quero saber quais são as orientações aqui e se as regras mudaram um pouco do que costumavam ser. Eu preciso saber com o que devo achar tudo bem e com o que não devo achar”.

“Em minha última volta, eu fui atrapalhado por ele [Alonso]. Eu perguntei a ele se a equipe tinha o avisado. Ele respondeu que não. De uma maneira, é difícil porque ele estava em sua volta de instalação, preocupado com outras coisas além de olhar o retrovisor. Nós tivemos uma conversa sobre isso ontem no briefing dos pilotos, que deveriam tomar cuidado com isso, e atualmente ele [Alonso] é uma das pessoas que mais fala sobre isso”,

O veterano reclamou também do Campeão de 2008, o inglês Lewis Hamilton. “Tive um problema similar com Lewis, em que ele estava preparando sua volta e me bloqueou. Isso não é algo legal".

4 comentários:

Jobson Mendes disse...

Saudações,

Felipão,

Quando o Schumacher era da Ferrari não tinha esse tipo de problema. Lá ele fazia e acontecia e parece que ainda não se acostumou com isso!

Abraço!

F-1 A.L.C. disse...

pois é, quando meu sogro perde no kart começa a se queixar de que o povo não deixou ele ultrapasar, que eu andei obstruindo, que o carro não esterça à direita... e logo aparecem as dores articulares e o enjôo

acho que ninguém mais achou ruim o sistema de clasificação, podería ter sido um caso isolado, mais é pouco provável

Felipe Maciel disse...

O Schumacher deu uma de morde e assopra pra cima do Alonso. Sei lá, acho que a o alemão foi no carro do espanhol pra dizer outra coisa...

Tipo:

Alonsa, deixa eu olhar esse volante pra ver se a equipe tirou o botão "Win the Race"

hehe
É, Schumacher, os tempos mudaram...

Ron Groo disse...

O mais interessante é que nem se comentou em punir o asturiano safado.
Se fosse o contrário a FIA e a Ferrari iriam querer a cabeça do cara que atrapalhou o sem vergonha em um bandeja.

Mas como é a prima dona protegida ninguém toca sequer neste assunto.
O coisa viu. Vou passar o ano inteiro batendo na Ferrari, o equipe sem vergonha.