domingo, 14 de março de 2010

Bahrein, corrida: Comentários e fotos

Confira a opinião dos pilotos após o Grande Prêmio do Bahrein:

#1 Jenson Button- Vodafone McLaren Mercedes

"No início de corrida eu não tinha idéia do que aconteceria com os meus pneus, então eu peguei leve. Fiquei um pouco desapontado com o momento que fizemos o nosso pitstop, porque provavelmente eu poderia ter ficado com aqueles pneus um pouco mais, porque nas últimas 5 voltas do stint eu estava conseguindo me aproximar do Mark [Webber] e do Michael [Schumacher]. Na parada eu ultrapassei o Mark, o que foi ótimo. Foi realmente um pitstop muito bom da equipe, tanto o meu quanto o do Lewis. Com pneus novos eu consegui me aproximar do Michael, mas eu não tinha ritmo suficiente para acompanhá-lo no setor do meio, então eu tinha que tentar algo no último setor, o que foi desapontador. Mas foi divertido de qualquer forma. No final das contas, eu acho que nosso carro é bom, mas sempre há espaço para melhorar, acho que todos na equipe querem mais velocidade e mais downforce".

#2 Lewis Hamilton - Vodafone McLaren Mercedes
"O terceiro lugar foi uma ótima colocação para nós hoje. Eu sinto que fizemos um bom trabalho: nossa confiabilidade foi boa e nosso ritmo foi muito bom, mas nós ainda temos que nos esforçar para alcançar o ritmo dos carros da frente. Minha corrida foi decidida na primeira volta, quando eu travei umas das rodas e Nico Rosberg me ultrapassou. Depois disso eu passei todo o primeiro sting próximo a ele, mas não consegui a ultrapassagem. Depois do pitstop eu consegui voltar na frente do Nico, o que foi fantástico, e eu tive pista livre para perseguir o Felipe Massa. Se eu não tivesse ficado preso atrás do Rosberg, talvez tivesse tido chances de lutar com o Felipe pela 2ª posição. Eu senti uma ligeira vibração na parte da frente do carro, mas acho que isso foi resultado da travada de pneus. Quando você trava o pneu uma vez, demora várias voltas para ele voltar a sua forma normal".

#3 Michael Schumacher - Mercedes GP Petronas
"Depois de três anos longe, eu estou feliz em dizer que eu me diverti hoje, especialmente com o bom começo que tivemos. A 6ª posição foi boa, e dá a mim e a equipe uma boa base para fazermos progressos. Eu confio totalmente que vamos melhorar o carro. Trabalhar com a equipe foi muito bom, e os rapazes fizeram um grande trabalho, então eu só tenho que agradecer a eles pelo apoio que eles me deram. Todos nós sabemos que temos um caminho a percorrer, mas nós chegaremos lá. É uma temporada longa".

#4 Nico Rosberg - Mercedes GP Petronas
"Eu tive um ótimo começo hoje e estou feliz de ter conquistado a quarta posição no final da primeira volta. No entanto me faltou ritmo, por causa da escolha de pneus para o primeiro stint. Lewis me venceu na estratégia do pitstop, que nós temos que analisar depois e ver onde erramos. Eu não consegui alcançar o Sebastien [Vettel] já que eu perdia aderência com a turbulência quando eu chegava perto. Mesmo assim, 5º lugar foi um bom começo para nós e eu tenho confiança que nós podemos nos desenvolver mais daqui em diante".

#5 Sebastian Vettel - Red Bull Racing
"Foi uma pena hoje. Todo o fim de semana foi positivo, exceto pela falha no escapamento. A partir de sábado de manhã, fomos um dos carros mais rápidos na pista em todas as condições. Tínhamos o controle da corrida hoje e nossa estratégia era de uma parada - tudo estava indo bem. Creio que eu sabia como meus pneus estavam em todos os pontos, portanto mantive um bom controle dos pneus e dos freios. Em certo estágio, acho que a 15 ou 20 voltas do final, meus tempos de volta ficaram mais lentos. Parece que algo mecânico quebrou, felizmente pudemos continuar e terminamos em quarto, mas deveríamos ter vencido hoje. Nos custou caro, mas marcamos 12 pontos importantes".

#6 Mark Webber - Red Bull Racing
"Foi um certo congestionamento na pista. Tive uma briga com as duas Mercedes na curva 1, e Michael (Schumacher) ficou com o lado interno para a 2; depois disso, o problema foi descobrir como superá-los. Estava muito difícil ficar perto dos carros à frente. Fomos prejudicados ontem na classificação; ainda conseguimos marcar alguns pontos hoje, porém não tantos quanto gostaríamos. Definitivamente, aprendemos muito como equipe hoje. Não foi o GP mais emocionante do qual já participei - seguindo caixas de câmbio a tarde toda - mas os pilotos de classe mundial que estavam à frente normalmente não cometem erros. Tentei ao máximo fazer com que Jenson (Button) e Michael errassem, mas não aconteceu. Temos um longo campeonato pela frente, e o pessoal está trabalhando incrivelmente duro; mostramos no ano passado que podemos lutar, portanto estou ansioso por Melbourne".

#7 Felipe Massa - Scuderia Ferrari Marlboro
"Primeiramente eu creio que é fantástico estar aqui, ainda mais com um carro competitivo e podendo fazer a corrida inteira com um bom ritmo. Agradeço a Deus por eu estar bem e também a todos que me apoiaram naquele momento. A corrida foi fantástica para nós. Claro que não larguei bem, perdi uma posição importante para o Fernando na primeira curva. Mas a corrida foi perfeita para mim, tanto com pneus macios como duros. Cheguei a perseguir o Fernando, mas comecei a ter problemas de temperatura no carro e precisei economizar combustível nas últimas 25-30 voltas. No final, tivemos sorte com o problema do Vettel e pelo (Lewis) Hamilton não estar tão rápido."

#8 Fernando Alonso - Scuderia Ferrari Marlboro
“Estou na melhor equipe do mundo. Foi um dia especial. Voltar a vencer é sempre especial, ainda mais por ser na minha estreia pela Ferrari, que tem toda uma história. A expectativa era muito grande. Não há maneira melhor de começar um relacionamento [com a Ferrari] do que vencer. Todos fizeram um ótimo trabalho, me senti muito preparado, mas é muito importante mentalmente sair na frente. Eu tinha um bom ritmo e uma carta na manga em relação aos pneus. Esperei o momento certo para ir pra cima do Vettel, provavelmente nas últimas dez voltas. Depois ele teve um problema, e então consegui ultrapassá-lo. Só ganhamos a primeira corrida. As primeiras três ou quatro provas não são cruciais. Você precisa aproveitar para somar pontos, se adaptar ao regulamento e aos pneus. Temos uma boa base, mas precisamos continuar nosso trabalho”.

#9 Rubens Barrichello - AT&T Williams
"É bom marcar um ponto, mas com toda a honestidade, achamos que faríamos um pouco melhor quando chegamos aqui. Então, tudo é responsabilidade nossa, podemos ver que a competição está bastante dura e não houve abandonos entre os carros de ponta. Creio que terminamos mais ou menos onde merecíamos, portanto caberá a nós reduzir a diferença".

#10 Nico Hülkenberg - AT&T Williams
"Foi uma estréia difícil para mim hoje. Na largada, tive de evitar uma batida na curva 2, o que me custou algumas posições, e algumas voltas depois, rodei na curva 6. Ainda não sei bem como aconteceu, a princípio pensei que alguma coisa havia se quebrado no carro, mas não foi o caso. Passei sobre as zebras e talvez tenha danificado um pouco o carro, mas ficou muito difícil de pilotar pelo resto do que foi uma tarde longa e solitária para mim. Foi um fim de semana duro, mas o treino e o ritmo em long run foram bons, precisamos nos apoiar nisso".


#11 Robert Kubica - Renault F1 Team
"Todo o nosso trabalho do final de semana foi estragado por um incidente na primeira volta. Durante a volta até a formação do grid nós temos motores com níveis altos de óleo, o carro de Mark Webber sugou esse óleo do motor e fez uma grande nuvem de fumaça na minha frente. Eu acho que o Sutil não desviou porque ele simplesmente não conseguia ver nada em sua frente. Eu rodei durante esse incidente e isso cozinhou os meus pneus traseiros: eles aqueceram tanto que eu tive que trocá-los cedo, na volta 12. Eu completei o resto da corrida usando os pneus duros, o que foi um grande desafio: eu tracei uma meta para mim, terminar a corrida na zona de pontuação, mas não conseguimos isso por pouco. Se não fosse o incidente da primeira volta, eu acho que nós teríamos conseguido pontuar bem, porque nosso carro estava com um bom ritmo de corrida. Apesar de tudo isso, foi um bom fim de semana, nós não tivemos problema com motor ou freios. Agora nós temos que continuar trabalhando".


#12 Vitaly Petrov - Renault F1 Team
"Eu tive uma largada fantástica e eu estava correndo muito bem no final da primeira volta. O carro estava bom, e o meu ritmo era melhor do que o do Barrichello, que estava na minha frente. Então eu passei por cima de uma zebra que parece ter danificado a minha suspensão dianteira direita. Eu parei nos boxes para a equipe checar o dano e eles perceberam que não teria como consertar, então eu tive que sair da corrida. Foi um final extremamente desapontador depois de um início tão bom. Mas eu estou feliz e quero agradecer a todos os mecânicos e toda a equipe pelo grande trabalho feito no final de semana".

#14 Adrian Sutil - Force India F1 Team
"Pelo menos terminamos. Após o incidente na primeira curva, era o máximo que podíamos fazer. Tivemos uma boa corrida no final, aprendendo muito sobre os pneus e como o carro se comporta no fim da prova, mas o incidente basicamente destruiu minhas esperanças de pontuar. Não sei ao certo o que aconteceu naquela curva - estava pilotando e então houve uma grande nuvem de fumaça, não consegui enxergar nada. Toquei em alguém, rodei e foi isso. É uma pena, mas vamos continuar forçando para a próxima etapa".

#15 Vitantonio Liuzzi - Force India F1 Team
"Estou realmente satisfeito. Alcançamos nossa meta e marcamos pontos, o que é um ótimo resultado para mim e para a equipe. Foi uma corrida difícil, pois com a quantidade de combustível e os pneus, além do calor, tivemos de nos controlar um pouco, mas em geral creio que podemos ficar satisfeitos com nosso desempenho, e estar nos pontos é mágico. Todas as equipes de ponta terminaram à nossa frente e não houve problemas de confiabilidade ou quebras, portanto foi o máximo que podíamos alcançar. Estou ansioso pela Austrália, onde teremos mais algumas atualizações que podem nos colocar em uma posição ainda melhor na próxima corrida. Um ótimo resultado para a equipe".

#16 Sébastien Buemi - Scuderia Toro Rosso
"Não tenho certeza do que aconteceu na largada, mas patinei muito, então não saí bem e todos me passaram. Depois disso, a primeira volta foi bastante confusa e recuperei algumas colocações. Decidimos manter a estratégia de uma parada, e por um tempo, estava indo bem e me aproximei de de la Rosa, mas aqueles que trocaram pneus antes de mim estavam mais rápidos e me passaram. Quando fiz o pit-stop, havia perdido muitas posições. Após trocar os pneus, fiquei preso atrás de Jaime e não consegui ultrapassá-lo, e a três voltas do final, o carro simplesmente parou.".

#17 Jaime Alguersuari - Scuderia Toro Rosso
"Foi positivo o fato de eu ter conseguido terminar a primeira corrida da temporada, também a primeira sem reabastecimento. Ainda há muito espaço para melhoria, principalmente para mim e também para a equipe, pois deveremos estar em posição de lutar por pontos, andando entre o sétimo e o 11º lugar nas provas. Ainda precisaremos trabalhar duro para alcançar isso. Em termos da minha condição física, sinto que estou em muito melhor forma do que no ano passado, quando tive muito pouco tempo para treinar, então quase todas as minhas corridas foram passeios de taxi. Esta pista não foi a melhor para nós, e agora temos de analisar os dados e ver como melhorar. Uma coisa é certa, precisamos nos classificar melhor".

#18 Jarno Trulli - Lotus Racing
"Fiz uma boa largada e evitei o acidente na segunda curva, mas fui para a grama, então fiquei quase em último naquele estágio, mas então comecei a aumentar o ritmo e alcançar os pilotos à frente. O carro saía muito de frente e eu não conseguia prever o equilíbrio, portanto, no pit-stop, a equipe alterou o acerto da asa dianteira e comecei a forçar novamente, fazendo alguns bons tempos. No final da prova, tive um problema hidráulico, então pude apenas chegar ao final. Estou realmente feliz e orgulhoso pela equipe, porque em seis meses, todas as metas que estabelecemos foram atingidas, é realmente bom. Como Tony disse, um dia a Lotus vai vencer, e espero estar aqui quando conseguirmos".

#19 Heikki Kovalainen - Lotus Racing
"Foi uma boa corrida para nossa equipe - levar ambos os carros até o final é um grande feito. Meu carro não teve um único problema, sei que Jarno conseguiu levar o dele até o final, mas a meta principal era terminar com os dois carros e alcançamos isso. Até agora, a equipe alcançou todas os objetivos estabelecidos, isso é fantástico. Em termos da minha corrida, fiz uma boa largada e lutei com muitos pilotos que não achávamos que poderíamos enfrentar. Meus pneus estavam bons e o pit-stop foi ótimo, mas perdi um pouco de tempo enquanto deixava os carros passarem. Vamos analisar a estratégia para a Austrália a fim de trabalhar melhor. Realmente gostei de pilotar o carro, foi divertido forçar. Todos na equipe devem ficar satisfeitos, mas agora acabou a lua-de-mel e temos de começar a trabalhar visando resultados melhores".

#20 Karun Chandhok - HRT F1 Team
"Desculpe, essa foi a minha quinta volta nessa pista. Eu atingi uma ondulação na parte nova do circuito, eu ainda não tinha experiência nessa parte da pista, já que eu completei apenas quatro voltas durante o final de semana. Eu quero agradecer aos meus mecânicos pelo apoio nas minha primeiras voltas e a toda equipe pelo grande final de semana e pelas noites sem dormir. Agora vamos nos preparar para Melbourne".

#21 Bruno Senna - HRT F1 Team
"Para nós, foi importante estar aqui, participar da corrida, iniciar o trabalho. Para nós, valeu como um shakedown, e todas as equipes tiveram problemas no shakedown, inclusive as grandes. Mas agora, de posse das informações que reunimos, tenho certeza que a evolução virá. Aqui, nem a altura do carro estava correta. A evolução será em segundos e não em décimos, como é o normal na Fórmula 1."

#22 Pedro De La Rosa - BMW Sauber F1 Team
"Fiz uma boa largada, mas perdi posições quando tive de sair da pista para evitar uma batida com outros carros. Na grama, perdi aceleração e alguns carros conseguiram passar, então, quando cheguei na curva 4, havia perdido várias colocações. Senti que tínhamos um carro bom o suficiente para lutar por pontos, e ainda havia uma chance de alcançar isso quando fui chamado para os pits na volta 29 por causa de um problema hidráulico".

#23 Kamui Kobayashi - BMW Sauber F1 Team
"Infelizmente, foi uma corrida curta para mim, porque perdi a direção hidráulica na volta 12 e a partir daí não consegui mais trocar as marchas devido a um problema hidráulico. Fiz uma boa largada e ganhei quatro posições, mas depois estraguei um pneu, e em retrospecto, também acredito que teria sido melhor largar com o composto mais macio. Pedro estava mais rápido com eles".

#24 Timo Glock - Virgin Racing
"A corrida estava indo muito bem para mim depois que eu consegui ultrapassar o Heikki. Nós estávamos tendo uma boa batalha, na posição onde estávamos, e foi bom sentir o gosto de correr novamente. Mas, meu primeiro problema foi perder 3ª macha e eu continuei assim mesmo. Depois eu perdi a 5ª marcha e foi impossível continuar. Nós tentamos achar um jeito de consertar, mas não teria jeito de voltar à corrida, nem mesmo pra acumular quilometragem. Foi desapontador, mas nós temos que enfrentar os problemas com calma nesse momento. Nós temos que fazer o que for possível para voltarmos mais fortes em Melbourne. Meus agradecimentos especiais a todos da equipe no Bahrain e na Inglaterra. Foi um batalha épica conseguir chegar até aqui e a nossa recompensa foi o resultado no qualify de ontem, que mostrou o que nós podemos fazer se continuarmos nos esforçando".

#25 Lucas Di Grassi - Virgin Racing
"Eu tive um ótimo começo e o carro estava muito bom. Eu achei que nós teríamos uma boa corrida, mas depois de apenas algumas voltas eu tive que parar o carro e minha corrida terminou antes mesmo de começar. Não devemos ficar abatidos. Nós estaremos de volta em Melbourne com algumas atualizações e uma solução para o problema que enfrentamos hoje. É a corrida número 1 de 19, e temos um longo caminho pela frente. Eu quero agradecer a todos da equipe pelo incrível trabalho em poucos meses. É um esforço imenso e eu espero um melhor resultado para a equipe daqui a duas semanas, na Austrália".

6 comentários:

Marcelonso disse...

Felipão,

Esperava bem mais dessa nova fase da F1,não fosse o problema de Vettel o pole venceria.

Vamos dar mais tempo a esse formato,afinal não tem modelo que faça milagre nesta pista de m...

abraço

Marcos Antônio Filho disse...

assinou bastante press release, Felipão?hahahahaa

enfim ótima idea, ficou muito bom esse post

kimi_cris disse...

Foi uma pena o problema do Vettel, não fosse isso teriamos um grande duelo no final da corrida. Mas tambem o circuito nao proporcionava uma grande corrida. Melhores corridas virão.

Grande Abraço!

Kimi_Cris

Anônimo disse...

Acabei achando a corrida um pouco chata... talvez nas próximas melhore... assim espero!

Esse post, no entanto, tá muito bom!

Valeu Felipão!

um abraço,
Renato

GP Oficina Mecânica disse...

Concordo com o Renato ai em cima...

O post está mais legal que a corrida...

Até o momento em que Vettel liderava eu ainda assistia, quando teve problemas e foi ultrapassado cheguei até a pegar no sono...

Espero que em Melbourne seja melhor!

Abraços
Carlos Eduardo Szépkúthy

Felipão disse...

hahahahaha

confesso que deu um pouco de trabalho mesmo... ainda bem que gostaram... VALEU TURMA...