domingo, 6 de setembro de 2009

Vitórias italianas em Monza: Farina

50 Alfa-Romeo 158 - G. Farina - Monza

Na história da Fórmula-1, apenas três pilotos italianos tiveram a honra de vencer o Grande Prêmio da Itália.

Inclusive, nas três primeiras edições válidas pelo Mundial, o domínio italiano foi absoluto.

E tudo começou quando Giuseppe Farina conquistou o título da categoria no GP da Itália de 1950 -o 21º da história-, depois de liderar boa parte da corrida.

Seu parceiro na Alfa-Romeo, o argentino Juan Manuel Fangio, tentou, mas não conseguiu impedir a festa de Farina.

Após um problema no câmbio, Fangio continuou na corrida com o carro de Piero Taruffi (lembrando que o regulamento da época permitia esse tipo de manobra).

No entanto, após algumas voltas, o argentino precisou abandonar em definitivo, com problemas no motor.

Com seu principal adversário fora da disputa, Farina poupou o equipamento e apenas administrou a vantagem para o segundo colocado, seu compatriota Alberto Ascari, da Ferrari.

Continua...

4 comentários:

Ron Groo disse...

Oba...

Eu acho que vem coisa histórica por ai... Felipão não brinca nunca...

Valeu Felipão.

Felipão disse...

hauhauhua

é sempre uma honra atender a um pedido seu, Ron...

Daniel Médici disse...

Se Fangio tivesse chegado perto de Farina, teria ainda a difícil tarefa de ultrapassá-lo - e acho que todos daquele grid estavam certos de que o italiano faria de tudo o que o esporte permitia, e tudo o que o esporte não permitia também, para sair de lá campeão. Farina nunca soube o que era fair play...

Teca disse...

Grande ideia!

Continuarei lendo...

Beijos.