segunda-feira, 1 de março de 2010

USF1 fora

O site do Speed Channel apurou junto à FIA que a USF1 fez um pedido formal para não correr a temporada 2010 da Fórmula-1.

"o lay-out do entusiasta da equipe circulou o mundo"

Os principais dirigentes do time, Ken Anderson e Chad Hurley, garantiram, no entanto, que desejam correr a próxima temporada, apesar de todos os problemas que enfrentaram nos últimos meses.

Em razão disso, ofereceram à FIA um valor substancial - superior a US$ 1 milhão (R$ 1,8 milhão) - como garantia de que honrarão seus compromissos no próximo ano.

A proposta foi bem recebida por um dos diretores da entidade, Charlie Whiting, que na última quarta-feira visitou a fábrica da escuderia na Carolina do Norte.

O pedido para se retirar da lista de inscritos vem após uma série de tentativas de parcerias para salvar a equipe. Lembrando que, recentemente, Chad Hurley negociou uma fusão com a Campos e com a Stefan GP, mas não obteve sucesso.

Com a saída definitiva da USF1, o argentino Jose Maria Lopez fica sem time para competir na F-1.

Seu pai, inclusive, revelou ao periódico argentino "El Clarin" que "pagar por uma vaga que não existe é algo decepcionante".

A única esperança do argentino, no momento, é "roubar" a vaga de Jacques Villeneuve na Stefan GP, caso o time realmente estreie na F-1.

5 comentários:

F-1 A.L.C. disse...

López vai precisar um tempo pra se recuperar dessa... e o automovilismo argentino também

Marcelonso disse...

Felipão,

Esse pessoal da USF1 deve ter deixado um cheque sem fundos como garantia,esses já eram!
Ainda por cima enganaram os mais bobos da América do Sul,isso não se faz!

abraço

Felipão disse...

hahahahah

verdade...

tomara que o cheque do governo argentino seja um borrachudo tbem...

hahahahah

Ron Groo disse...

Agora poderiam mudar a ave no bico do carro e colocar um tucano.
Com um bico daqueles fica fácil liga-lo a um bicho mentiroso.

E eu que acreditei nestes malditos yankes.

Leandro Montianele disse...

EU JÁ SABIA!! (plaquinha levantada)

Estava na cara que esse projeto da USF1 era furado. Esses malditos yankes tiveram um longo período de planejamento e até agora nada. Se não tem dinheiro, não entra. É do meio do pelotão para trás em 2011, isso sim.