quarta-feira, 19 de agosto de 2009

O fim do reabastecimento

Saiu hoje o regulamento técnico e esportivo da Fórmula-1 para o ano que vem. E as maiores alterações ocorreram no formato da classificação, em função do aumento da quantidade de carros no grid -- de 20 para 26.

O treino ainda será dividido em três partes, como acontece atualmente. Porém, nos primeiros 20 minutos, o Q1 passa a eliminar os oito concorrentes mais lentos, ao invés dos cinco atuais. Assim como nos 15 minutos seguintes, onde mais oito pilotos serão degolados no Q2.

Nos 10 minutos finais, os 10 melhores da classificação vão disputar a pole no Q3 com pouquíssimo combustível, já que o reabastecimento será proibido durante as corridas.

Por fim, a FIA optou pela manutenção do sistema de pontuação, o KERS (como opcional) e a manta térmica dos pneus nas regras da categoria.

11 comentários:

F-1 A.L.C. disse...

eh, acabou o reabastecimento, mais os mecánicos da Renault vão continuar trocando os pneus de Alonso.

então, ainda vamos a ter trapalhadas no pitstop, jeje

Felipão disse...

hahauahuahuahauuaha

GP Oficina Mecânica disse...

Sei lá.... sem abastecimento fica tão estranho...

Carlos Eduardo Szépkúthy

Daniel Gomes disse...

Vai ser bem interessante ver como as equipes vão trabalhar a questão da troca de pneus. As janelas de pit-stops agora serão bem diferentes para cada equipe, pois tudo vai depender de o quanto eles salvam ou não os pneus do desgaste.

Ano que vem promete!

Felipe Maciel disse...

A FIA agiu cheia de sensatez, e olha que não foi por falta de gente maluca dando pitaco ruim. Bernie e a Fota só sugeriram bobagem ultimamente e o Mosley deu de ombros. Fez bem.

Ron Groo disse...

Eu gostei, com o fim do reabastecimento cai um pouco a importancia da estratégia. Volta ser mais importante ser o mais rápido e não o melhor planejado.

Paulo Maeda™ disse...

só pra tirar uma dúvida (besta) minha: então agora os carros fazem o Q3 com o qto quiser e no dia da corrida todos largam com tanque cheio? Se for assim, eh igual a Indy e o melhor jeito que existe pra se largar, todo mundo igual e com msm peso.

Bruno Santos disse...

Parecem boas medidas, mas as desse ano também pareciam boas, então o jeito é esperar. Pelo menos o mais rápido larga na pole agora e nada de depender de estratégia.

Seria possível não trocar os pneus durante a corrida? Sai todo mundo de pneu duro e tanque cheio e não param no pit...funcionaria?

Felipão disse...

eu acho que daria sim... não sei se seria possível com os compostos atuais... mas acho que sim, Bruno...

Teca disse...

Larga todo mundo com o mesmo peso e que vença o mais rápido, né mesmo?

E adeus estratégias nas pistas...

Beijos.

Felipão disse...

isso mesmo, Teca...

Bjos!!!