quarta-feira, 5 de agosto de 2009

Barrichello sozinho novamente

Grid vazio no GP dos EUA de 2005

Com a ausência de Felipe Massa e a demissão de Nelsinho Piquet da Renault, o Brasil terá um único representante no grid do GP da Europa. Coisa que não acontecia desde 2005, quando apenas três equipes disputaram o GP dos Estados Unidos.

Na ocasião, os times dissidentes atenderam uma solicitação da Michelin, que alegou falta de segurança em seus compostos após o acidente de Ralf Schumacher nos treinos livres. Azar de Ricardo Zonta, substituto natural do alemão na Toyota. Calçado com pneus Bridgestone, Barrichello participou como representante único do país na corrida.

Felipe Massa no Canadá, em 2002

Antes desse episódio, a última vez que um brasileiro largou sozinho em um grid COMPLETO foi em 2002. Na época, Felipe Massa, que defendia a Sauber, se envolveu em um acidente com Pedro de La Rosa no GP da Itália. Punido pela FIA, Massa perdeu 10 posições no grid de largada da corrida seguinte, em Indianápolis.

Envolvido na disputa pela quinta colocação no Mundial de Construtores, o dono da equipe suíça, Peter Sauber, acabou substituindo o brasileiro pelo experiente Heinz Harald-Frentzen, que poderia competir livre de qualquer punição.

Barrichello venceu a prova por uma diferença mínima de 0s011 para Michael Schumacher, seu parceiro na Ferrari. Na ocasião, o alemão resolveu "compensar" entregando a vitória ao único brasileiro daquela corrida, cumpridor de diversas ordens de equipe ao longo da temporada.

6 comentários:

Teca disse...

Rubinho eterno... e "cumpridor de diversas ordens de equipe ao longo da" carreira.

Beijos.

Luís Augusto disse...

Essa corrida de Indianápolis foi o maior vexame da história da F-1. Dizem que havia um dedo do Tony George na história.

Ron Groo disse...

Pois é né... como é a vida...
Tantos brasileiros na pista e quando tem que sobrar só um é logo o mais chato...

oliver disse...

Acho que não luis augusto.

Acho que havia a lembrança pro processo que a mulher do donohue moveu contra a fábrica de pneus.

E ganhou.

Marcos Antônio Filho disse...

Bem pra quem torce pros brasileiros, acho melhor dormir até mais tarde dia 23...

De Gennaro Motors disse...

HAHA Rubinho sozinho ! rsrs