sexta-feira, 22 de maio de 2009

Algumas imagens a mais

Na volta aos Grand Prix, depois da II Guerra Mundial, Tazio Nuvolari, aos 53 anos, mostrou sua velha forma. Durante a Coppa Brezzi, em 1946, o Mantuano Voador viu o volante de seu Cisitalia D46 se soltar da coluna de direção. E ainda faltavam algumas voltas para o fim. Assim, segurando o volante e a coluna com as mãos, conseguiu chegar aos boxes para reparos. Voltou para a pista e ainda finalizou a corrida na 13ª colocação.

8 comentários:

Ron Groo disse...

Outros tempos, outros homens.

Por isto amo tanto este esporte.

Daniel Médici disse...

Já conhecia a história, mas não tinha informações melhores sobre o fato. Valeu!

Teca disse...

E ainda deu para chegar aos boxes para reparos e continuar a corrida?

Isso é história!

Beijos.

Tohmé disse...

Felipão, tem uma legião de pessoas que dizem que ele foi "o maior" de todos.

Henry disse...

Com o coração na mão...

De Gennaro Motors disse...

bela foto ! hehehe

Helio Herbert disse...

Esse pessoal era tudo Doidão...Imagine andar a quase 200 Km por hora usando uns pneuzinhos como esse aí da foto...diagonal e fininho.

Marcos Antônio Filho disse...

que foto! Só dá pra dizer isso,pq tento imaginar o sacrificio pra ele fazer isso...