quinta-feira, 12 de fevereiro de 2009

Pin-up

Em 1976, Alexander Hesketh já havia se retirado da F1. Entretanto, seus carros seguiram nas mãos de particulares e com o apoio da Penthouse.

Nas fotos, Rupert Keegan se diverte com uma "pin-up" da revista.

Vida difícil desses pilotos.

8 comentários:

Marcos Antônio Filho disse...

muito difícil. E com certeza ele catou a pinup girl depois da corrida...

Luís Augusto disse...

Será que o patrocinador dava direito a certas... regalias?

Ron Groo disse...

E na mesma época o Alex Dias Ribeiro corria com um carro escrito: Jesus salva. E dizia que não contava com a simpátia dos mecânicos... Porque será?

Gustavo disse...

Marketing!

Ylan Marcel disse...

Tá vendo, o Piquet não era o único que gostava da fruta no meio, rsrs
www.motorizado.wordpress.com

Helio Herbert disse...

A maioria dos pilotos são matadores,adeptos aos prazeres que a profissão lhes oferece,no caso do Alex Dias Ribeiro aquele do "CRISTO SALVA" ele era muito discreto para certas coisas o que não quer diser que não gostava da fruta...Mineirinho come quieto...

Tohmé disse...

A festa de encerramento dos GPs devia ser ótima......he,he.

Quanto ao Cristo Salva, curiosamente o Alex aceitou patrocínio da Hollywood para corre. Tudo em nome de Deus...

Helio Herbert disse...

Padre toma vinho e tem uns que fumam escondido...Deus tá vendo...