terça-feira, 6 de abril de 2010

Um balanço das quatro forças – GP da Malásia

Red Bull MAL

Red Bull – A equipe dos energéticos conseguiu finalmente sua primeira vitória nesta temporada e com direito a dobradinha. Mostraram mais uma vez que possuem o melhor carro do grid, bem superior a Ferrari e McLaren. A RBR sobrou no circuito de Sepang, não sendo ameaçada em momento algum. Sebastian Vettel e Mark Webber levaram seus carros ao pódio com muita tranquilidade. Se não tiverem problemas mecânicos ao longo do campeonato, será difícil para esse bólido criado por Newey.

Mercedes MAL

Mercedes – Com o piloto Nico Rosberg, o time alemão conseguiu seu primeiro pódio no campeonato. Muitos esperavam que fosse com Michael Schumacher, mas o heptacampeão vem sofrendo em seu retorno. A equipe comandada por Ross Brawn, por enquanto, está longe de uma possível vitória. Terão que trabalhar muito para isso acontecer.

McLaren MAL

McLaren – A escuderia de Woking mostrou seu grande poder de evolução já neste GP da Malásia. O carro se portou muito bem na pista, num ritmo de corrida forte, principalmente com o piloto Lewis Hamilton. Se não tivessem dado aquela bobeira na classificação, poderiam conquistar um lugar no pódio. De qualquer forma a McLaren vem forte para as próximas corridas.

Ferrari MAL

Ferrari – Os italianos não tiveram um final de semana como gostariam, começando pela besteira no treino classificatório. O sétimo lugar de Felipe Massa foi pouco. E para completar o insucesso do time vermelho, Fernando Alonso acabou abandonando com o motor estourado. Como consolo, a Ferrari manteve a liderança do mundial de pilotos, mas dessa vez com Felipe.

Um comentário:

F-1 A.L.C. disse...

diagnóstico:

Red bull: é genético, eles nasceram para ganhar. é só deixar desenvolver

Mercedes: é autoimune, o alemão tem artritis reumatóide. não cura

Mclaren: é psicológico, depressão pós divorcio, já tão se recuperando

Ferrari: é psiquiátrico, soberbia maniaca os deixou na Q3. ja tiveram um surto o ano pasado