sábado, 27 de fevereiro de 2010

Farina vence novamente em Silverstone

Blogsport-Brasil, Agosto de 1950

Os circuitos começaram a combinar o novo sistema de comercialização de espaços ao aspecto promocional e o esporte teve sua atratividade ampliada.

Farina

Com isso, os pilotos vêm se tornando nomes de destaque a medida em que o interesse da mídia cresce, justificando o maior aparecimento de dinheiro.

A organização do International Trophy, por exemplo, trocou a fixação de cartazes e pequenos anúncios pela primeira transação de patrocínio de corridas.

Uma passarela do “Daily Express” foi montada na pista de Silverstone e a prova passou a se chamar, oficialmente, “Daily Express Trophy”. Em troca, o jornal obteve vantagens ao realizar uma cobertura mais destacada.

Até mesmo o cartunista Gilles passou a desenhar caricaturas dos pilotos nos fins de semana de corrida, mostrando que o esporte tem se deslocado para um novo território mais amplo.

Ao final das duas baterias de 15 voltas, a Alfa Romeo registrou mais uma dobradinha, com Giuseppe Farina (vencedor da primeira bateria) em primeiro e Juan Manuel Fangio (vencedor da segunda) em segundo.

Competindo em casa, o britânico Peter Whitehead completou o pódio com sua Ferrari 125.

Depois de gerar grande expectativa em torno de seu novo projeto, Raymond Mays conseguiu aprontar apenas um carro para a corrida.

Com um motor de apenas um litro e meio de deslocamento e 16 cilindros, o novo BRM P15 Mk I, pilotado por Raymond Sommer, decepcionou e não passou da classificação.

4 comentários:

F-1 A.L.C. disse...

muito bom as empresas investir em publicidade.

so é perigosso o pessoal da F1 começar a achar que o tudo é dinheiro, e esquecer do espectáculo

Anônimo disse...

Será que estamos chegando ao fim da era dos "gentlemen drivers"?

Será possível que a atividade de patrocínio das das mais diversas marcas presentes no mercado - que não têm, necessariamente, relação direta com o automobilismo - irão 'infectar' as competições automobilísticas de agora em diante?

O que nos reserva o futuro?

Quanto a Peter Whitehead e sua 'fidelíssima' 125/48, já rasguei elogios a ele no post anterior: "Whitehead vence mais uma"...

um abraço,
Renato

Anônimo disse...

Ops! Em tempo...

No próximo final de semana, 3 de setembro, a definição do primeiro mundial organizado pela FIA.

Chute para o resultado final:
* O campeão será um piloto da Alfa Romeo.
* Seu sobrenome começa com a letra 'F'...

Tenho certeza que acertei!!


abraço,
Renato

Felipão disse...

hahahaha

faço das suas palavras as minhas, renato...