sexta-feira, 12 de setembro de 2008

O carro do pecado

O australiano Alan Jones surpreendeu ao liderar o Grande Prêmio de Brands Hatch, válido pela Corrida dos Campeões de 1976.

Entretanto, o feito não foi mostrado pela TV inglesa.

Tudo porque, o capenga Surtees de Jones, carregava o patrocínio da Durex, uma marca de preservativos masculinos.

Para sorte do britânicos, Alan Jones chegou "apenas" em segundo lugar.

3 comentários:

Luís Augusto disse...

Hahahaha! Acho que Durex é sinônimo de preservativo em Portugal até hoje!

Anônimo disse...

oliver


Ou, talvez, a intenção fosse evitar que o pessoal se confundisse e enrolasse o "companheiro" com a fita adesiva.

Marcos Antônio Filho disse...

po Alan jones tinha que ter ganho essa corrida,queria só ver como os britânicos iriam noticiar!