quarta-feira, 10 de setembro de 2008

De volta ao batente

Aos 54 anos de idade, o italiano Riccardo Patrese, pilotou, nesta quarta-feira, o RA107 da Honda, no circuito espanhol de Jerez de la Frontera.

"Foi um sonho que realizei e é inacreditável redescobrir a velocidade de um modelo atual da Fórmula 1. A velocidade me surpreendeu nas primeiras duas voltas, mas no fim eu já estava acostumado, embora eu saiba que meu pescoço vai doer um pouco" revelou um entusiasmado Patrese.

O chefe de equipe da Honda, Nick Fry, não poupou elogios ao veterano:

"Riccardo adaptou-se muito bem ao carro e ele tinha muito a aprender porque a Fórmula 1 evoluiu muito desde 1993. Frear com o pé esquerdo, os pneus raiados e a embreagem no volante eram novidades para ele."

"O tempo de volta dele foi muito respeitável. Vale lembrar que, além de todas essas novidades, ele usava pneus de demonstração e um carro de 2007."

6 comentários:

Anônimo disse...

oliver


Lembro quando a McLaren chamou o Laudo de volta.

Será ???

Felipão disse...

Na atual situação da Honda, seria uma ótima...

hehehehehhe

Hadson Santiago disse...

Quem conhece, não esquece. E o Patrese estreou na Fórmula 1 em 1977 pilotando um Shadow. Lá se vão 31 anos...
Valeu, Patrese!!!

Marcos Antônio Filho disse...

segundo piloto por segundo piloto,o Patrse é melhor que o Barrichello...rs

Felipão disse...

Valeu Hadson e Marcos!!!

Teca disse...

Deve ser interessante e por vezes empolgante para os antigos pilotos colocarem suas marcas em pistas novamente... nem que seja só para testes.

Beijos.